Notícias Universo da Cerveja

Qual a melhor combinação das música do The Doors com cervejas?

Jim Morrison, The Doors
Escrito por Carlos Lara
SEGUIR NO INSTAGRAMPowered by Rock Convert

Jim Morrison, The DoorsHá 40 anos da perdemos o ídolo, deixando saborosas músicas. Vamos combiná-las com as melhores cervejas? No dia 3 de Julho de 1971 o Rei Lagarto dava adeus ao mundo numa banheira, em Paris. Mas a capacidade criativa de Jim Morrison permanece no imaginário coletivo com suas músicas fantásticas e uma personalidade incrivelmente complexa.  Este xamã do rock mostrou ao longo de sua vida uma extrema criatividade e capacidade de se auto-destruir (infelizmente). Então, vamos viajar agora tentando casar música com sabores da cerveja artesanal. Mais do que uma bebida, como a música, a cerveja altera nosso humor, nossa visão sobre as coisas naquele momento. Aumente o som e encha os copos:

 

Light my Fire – primeiro grande sucesso da banda, esta música é das poucas não escrita, originalmente, pelo astro, mas pelo guitarrista Robbie Krieger. A segunda estrofe, porém, foi escrita por Jim, trazendo um lado mais sombrio. Na primeira o amor, na segunda a morte (da relação?).

Qual cerveja harmoniza? Anderson Valley Hop Ottin’IPA. Por que? Californiana, como a banda, esta cerveja equilibra bem o doce sabor maltado com boas doses de lúpulo no aroma e no sabor. De grande drinkability, ela apresenta um final bastante amargo, como a canção ( “and our love became a funeral pire“/ e o nosso amor vira uma pira funerária).

 

 

Break on Through – este grande clássico tem uma característica marcante para nós brasileiros. A batida da música foi inspirada na nossa Bossa Nova. O baterista John Densmore apenas acelerou o ritmo, fazendo uma fusão entre o rock e a batida que faziamuito sucesso nos EUA.

Qual cerveja harmoniza? Bodebrown Hop Weiss. Por que? Brasileira, como a batida, a cerveja é um estilo tradicional, weizen (trigo), mas com o aroma lupulado marcante. Uma fusão de características que quebra o paradigma de que cerveja de trigo não pode receber muito lúpulo.

 

 

The End – talvez umas das canções mais inovadoras e ousadas já compostas, ela trata da morte com suavidade e até carinho. O versos inflamados de Jim Morisson fazem desta canção de mais de 10 minutos uma espécie de transe criativo que vai de encontro a diversos valores de nossa sociedade.

Qual cerveja harmoniza? Samuel Adams Utopias. Por que? Uma cerveja que quebra paradigmas, como a música. Com 25% de teor alcoólico, ela parece um licor, mas é uma cerveja única. Deve ser bebida à temperatura ambiente, e como sugere o Sommelier de Cervejas Maurício Beltramelli: “A Samuel Adams Utopias, creiam-me, é extremamente complexa e difícil de ser descrita em palavras. Só experimentando.”

 

Roadhouse Blues – não é um grande clássico do rock mundial, mas esta canção tem tudo a ver com cerveja. Tanto pelo clima gerado por ela, quanto pelo verso: “Well, i woke up this morning, i got myself a beer” (Bem, acordei esta manhã e bebi uma cerveja).

Qual cerveja harmoniza? KüdBier Roadhouse Blues. Por que? Quem responde é o Alencar, da KüdBier, que sugeriu esta cerveja:

“A filosofia que perseguimos é cerveja e rock n’ roll, e não poderíamos deixar de registrar o paralelo do trigo com o Blues. Este estilo foi o precursor do rock como conhecemos hoje. Influência dos grandes nomes que ajudaram a definir os caminhos da música moderna, o blues está para o rock assim como trigo está para a cerveja. Ali, desde os primórdios, influenciando, criando variações de estilo, construindo a história.

Nossa Weiss foi carinhosamente batizada de Roadhouse Blues justamente para mostrar esse link entre as histórias da cerveja e da música. É a única cerveja do nosso portfolio que não tem nome de clássico do rock, mas ainda assim homenageia a origem de tudo aquilo que a gente tanto curte: cerveja boa e música de verdade!”

 

Riders on the Storm – esta longa é marcada por sons de tempestades e pelo Piano Rhodes, tocado por Ray Manzarec, imitando o barulho da chuva.

Qual cerveja harmoniza? Gonzo Imperial Porter, da Flying Dog. A sugestão é do Uva e Cevada:

Riders on the storm com Gonzo imperial Porter para beber devagar sem pressa, pois a música tem a duração de 07:07 min. É uma viagem“.

 

Touch me – esta canção romântica foi composta por Robbie Krieger. Ela foi lançada em dezembro de 1968 chegando ao terceiro lugar nas paradas da Billboard.

Qual cerveja harmoniza? Bamberg München. Por que? Esta quem explica é o blogueiro de cervejas Leonardo Russo, do Cervezando:

Touch Me bebendo a enésima caneca de München da Bamberg… Boas ‘lambranças’ de um não tão longe St Patricks Day.

 

Love me Two Time – a música também foi escrita pelo guitarrista do The Doors, Robbie Kriger. De acordo com os membros dos Doors, a canção era sobre um soldado/marinheiro no seu último dia com a sua namorada antes de partir, provavelmente para a Guerra do Vietnã.

Qual cerveja harmoniza? Delirium Tremens. Por que? A escolha da famosa cerveja do elefantinho cor-de-rosa ficou por conta das meninas do Circuito de Botecos:

Nada melhor que saborear uma Deliruim Tremens ao som de Love me two times na voz intensa e charmosa de Jim Morrison. Impossível resistir a cerveja, a música e ao cantor.”

 

Love Street – a letra desta música foi feita sobre a rua em Laurel Canyon, Califórnia, onde Jim Morrison vivou com sua musa Pamela Courson. Love street era originalmente um poema, e foi musicado por Robbier Krieger.

Qual cerveja harmoniza? Cerveja do Amor, da Bodebrown. Por que? As duas falam de amor, claro, mas quem explica a escolha é Fabian, do blog Bebendo Bem:

 

Alabama’s Song – a canção foi originalmente publicada por Bertold Brech e depois musicada por Kurt Weill, utilizada em diversos espetáculos. A letra da música fala, todo o tempo, sobre bares de whisky: “Show me the way to the next whisky bar” (mostre-me o caminho para o próximo bar de whisky).

Qual cerveja harmoniza? Paradox, da Brew Dog. Por que? A sugestão foi de Gustavo Duque, então vamos deixar ele explicar:

A paradox é envelhecida por 6 meses em barris que foram usados para envelhecer whisky escocês.

 

 

Tem alguma outra sugestão de música do The Doors que harmoniza com cervejas? Mande para a gente (contato@hominilupulo.com.br) e vamos atualizando esta lista. Deixamos diversos clássicos de fora, como LA Woman, Moonlight Drive, When the music is over e tanto outros para que a criatividade coletiva gerasse as melhores combinações. Assim como com comida, música e bebida tem as mais diversas e fantásticas ligações. Vamos explorar!

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Sobre o Autor

Carlos Lara

Marketeiro e Sommelier de Cerveja. Criei a minha paixão pela cerveja há um tempo, principalmente vendo jogos de futebol e hoje escrevo conteúdos sobre diversos assuntos nas horas vagas.

5 Comentários

Comentar