Limpar equipamentos cerveja

Higienização e sanitização: entenda a diferença na produção de cerveja

Coleção de livros na Amazon

Com toda certeza você já ouviu falar que os processos de higienização e sanitização na fabricação de cerveja são fundamentais, mas ainda assim existem pessoas que se perguntam se elas realmente precisam gastar dinheiro com produtos de limpeza específicos, sendo que já possuem alguns em casa que são utilizados no cotidiano.

Bem, a resposta para essa pergunta é sim, você precisa de produtos específicos para limpar e sanitizar seus equipamentos, e hoje falaremos mais sobre a importância da limpeza e suas diferenças com a sanitização.

Portanto, se você ainda não sabe, convidamos que leia até o final e também que compartilhe esse artigo com aquele seu amigo que não liga muito para os processos de limpeza.

Por que você deve limpar seu equipamento cervejeiro?

Responder essa pergunta é simples, pois é a mesma coisa que comprar um carro e não levá-lo ao mecânico ou então nunca limpá-lo por dentro, são coisas necessárias para o funcionamento do carro e também fazer com que ele cumpra com o seu objetivo, que é levar você do ponto A para o ponto B.

Gastar um bom dinheiro em equipamentos mas economizar em produtos de limpeza é um erro que cervejeiros não devem se dar ao luxo, embora tenhamos equipamentos de limpeza geral dentro de casa, esse tipo de equipamento normalmente não é utilizado para entrar em contato direto com os materiais utilizados na fabricação de nossos equipamentos, e muito menos na sua cerveja.

Muitos deles são bem agressivos e são ótimos para o uso que são destinados, mas não para a produção de cerveja.

Lembrando que no processo de fabricação é muito importante criarmos um ambiente saudável para nossas leveduras, pois qualquer bactéria, germes e micro-organismos similares causarão efeitos negativos em sua cerveja, e é fundamental que você remova-os de qualquer coisa que entre em contato com o seu mosto ou cerveja em qualquer etapa do processo. 

Mas atenção: não se limite somente às panelas, mas também às pás, colheres, fermentador, sifão, tubos, resfriadores, etc.

Qual a diferença entre higienização e sanitização nas cervejas caseiras?

Na higienização são removidos os resíduos orgânicos e inorgânicos presentes nas superfícies, como sujeira, poeira e alimentos, já na sanitização é feita a redução dos micro-organismos e minerais presentes a níveis insignificantes, onde não irão atrapalhar seu processo produtivo.

É importante ressaltar que há uma diferença enorme entre os dois processos e você não deve em hipótese alguma substituir um pelo outro, pois na primeira parte você removerá sujeiras e detritos, e na segunda micro-organismos vivos presentes nos seus equipamentos para que não tenham impacto negativo na ação da sua levedura.  

Como limpar?

A limpeza vem primeiro antes da sanitização. 

Detergentes leves (aqueles que você utiliza para lavar sua louça) são aceitáveis, pois não são tóxicos e podem ser eficazes para limpar seus equipamentos, mas com uma condição, que sejam neutros — livres de perfumes e corantes. 

Mas saiba que esse tipo de detergente é feito para cortar e remover a gordura e dependendo da sua composição, você descobrirá que pode deixar algum tipo de resíduo em seu equipamento, fazendo com que você lave e enxágue algumas vezes mais. 

Se deseja uma efetividade maior, você encontrará detergentes “especiais” nas brew shops, que podem proporcionar um melhor resultado na hora de realizar a limpeza dos seus equipamentos,  como por exemplo detergente alcalino, neutro ou percarbonato de sódio.

Produtos com o nome PBW( Powder Brewery Wash) são destinados para limpeza de equipamentos utilizados na fermentação, pois se trata de um produto alcalino que remove facilmente os subprodutos da cerveja e entrar em contato com rachaduras e arranhões que você talvez não consiga alcançar com detergente e esponja. 

Uma boa prática é limpar o equipamento o mais rápido possível para evitar que sujeira e manchas se instalem. Uma vez que coisas como subproduto de levedura e açúcares ganham tempo para se prenderem a uma superfície, elas podem ser bem chatas de se remover depois.

Depois de limpar o equipamento adequadamente, enxágue-o bem com água fria. Se você não planeja usá-lo imediatamente, simplesmente deixe-o secando.

O que limpar:

  • Panelas
  • Fermentador
  • Colher/pá
  • Termômetro (antes da fervura)
  • Airlock
  • Jarra medidora

Como fazer a sanitização?

A sanitização é a etapa que vem após a limpeza. Embora possa não ser 100% necessário higienizar o equipamento que você usa para ferver, algumas pessoas ainda fazem.

As altas temperaturas da fervura do mosto são eficazes para matar bactérias e germes, portanto recomendamos que você sanitize tudo o que usar após a fervura, evitando sanitizar tudo toda hora. 

Os sanitizantes mais utilizados por cervejeiros caseiros são o Iodofor ou o Ácido Peracetico (PAC 200) pois cumprem bem o papel de reduzir e/ou eliminar os micro-organismos presentes no equipamento. 

Mas independentemente do sanitizando que você escolher, lembre-se de que o adequado é determinado não apenas pelo seu tipo mas a maneira que você pretende utilizá-lo.O tempo de contato é muito importante, por isso siga as instruções da embalagem e tire suas dúvidas na hora de comprar o produto com o vendedor. 

Portanto, embora você possa encontrar algo em sua casa que aparentemente possa fazer o trabalho, se você deseja produzir a melhor cerveja sempre, é indispensável investir em produtos de limpeza e sanitizantes projetados especificamente para o processo de fabricação de cerveja caseira. 

Eles foram criados com a composição química ideal para uso com sujeira, bactérias e vírus que você pode encontrar durante o processo de fabricação da cerveja, já feitos pensando em nós produtores.

O que sanitizar:

  • Panelas
  • Torneiras
  • Válvulas
  • Tubulações (mangueiras)
  • Chiller
  • Fermentador
  • Jarras medidoras
  • Termômetro (depois da fervura)
  • Airlock
  • Garrafas e tampinhas

O uso adequado dos produtos fará com que você crie um hábito saudável e essencial de limpeza, resultando em uma cerveja melhor e reduzindo drasticamente os riscos de produção. 

Para ajudar você, aqui estão 10 dicas super importantes para sanitizar seus equipamentos, esperamos que goste.

Biblioteca de livros (1)

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.