cerveja sem gluten

Cervejas sem glúten: conheça rótulos e características!

SEGUIR NO INSTAGRAMPowered by Rock Convert

Nos últimos anos o glúten virou assunto constante entre a população tanto no aspecto de emagrecimento quanto na doença provocada pela sua ingestão.

Na área cervejeira não foi diferente, pesquisas e teste estão sendo desenvolvidas para criação de cervejas com uma qualidade semelhante das tradicionais feitas com malte, trigo entre outros grão que contém o glúten.

Ficou curioso? Então continue lendo que nesse post iremos tirar todas suas dúvidas de cervejas sem glúten.

Cerveja sem glúten x cervejas convencionais

Antes de mais nada, glúten é um dos componentes de grãos como trigo, malte, centeio, formado por proteínas (gliadina e glutenina).

Existem pessoas que são intolerantes ao consumo de glúten, conhecidos como celíacos, porque são pessoas que possuem a doença doença celíaca que trata-se de uma inflação comum no intestino delgado, derivada principalmente pelas proteínas de armazenamento (glúten) de cevada, trigo e centeio. (SCHUPPAN, et al., 2009).

Atualmente tem-se desenvolvido cervejas de grãos alternativos para pessoas portadoras da doença celíaca.

Sorgo e milho estão sendo muito utilizados devidos aos seus bons resultados e certa semelhança e aceitação como mostrado sobre sorgo na produção de bebidas fermentadas alcoólicas glúten-free, por Tomasini, Fernanda Bottega, et al.

Gira em torno de 70% no qual o experimento em que tiverem melhor aceitação foi da cerveja composta por 50% sorgo e 50% milho.

Processo de fabricação

No realização do processo de fabricação da cerveja sem glúten é muito semelhante, praticamente o mesmo que em uma fabricação de cerveja convencional, podendo ter diferença apenas na preparação do grão em que for utilizado para cerveja sem glúten.

Diferentemente das cervejas convencionais onde o malte já passou pelo processo de malteação e chega pronto para ser comprado nas brew shops.

Possivelmente não se encontra com facilidades esses grãos alternativos para cervejas com glúten já prontos, havendo assim a necessidade de sanitização, secagem ou outro processo.

Caso queira saber um pouco mais, pode checara aqui como mostrado no artigo feito por Farini, Bruna Wadt e Jessica Varreira Borges: JANDB – Desenvolvimento de uma “Cerveja” de Malte de Arroz.

Importante também que caso realize a fabricação de uma cerveja sem glúten que seu equipamento esteja limpo e sanitizado para que não ocorra contaminação com glúten derivado de outras cervejas fabricadas no mesmo equipamento.

Benefícios da cerveja sem glúten

As cervejas sem glúten estão ganhando cada vez mais adeptos por pessoas que não sofrem da doença celíaca. Isso está ocorrendo devido há alguns benefícios que a cerveja sem glúten traz as pessoas que estão em busca do emagrecimento mas não deixa a cerveja de lado.

Segundo especialistas, a não ingestão do glúten traz uma redução do inchaço abdominal, melhor funcionamento intestinal e diminuição da compulsão alimentar.

A cerveja sem glúten ainda tem as maiorias dos benefícios comuns em cervejas convencionais como osso mais fortes devido a presença do silício, redução da chances de apresentação da diabetes tipo 2, pressão arterial baixa entre outros, mas lembrando sempre que esses benefícios são trazidos sempre que consumidos moderadamente.

Rótulos de cervejas sem glúten

Submissão Session Ipa – Cervejaria Krug

Possivelmente uma das mais fáceis de se encontrar é a Session IPA da Krug, por ser uma cerveja nacional. Suas principais características são a baixa caloria e teor alcoólico, ser seca e é claro, livre de glúten.

Possui uma combinação de aromas florais e cítricos, com uma presença sutil de tamarindo.

Teor Alcoólico : 3,9%
IBU: 33
Harmonização: salada de folhas, batata temperada com limão e pimenta, e sushis

Lake Side Lager

A cerveja Lake Side Lager é também conhecida comoa primeira cerveja sem glúten produzida no Brasil, que atende o público intolerante ao glúten, trigo, centeio e cevada. É produzida na Cervejaria Germânia, uma tradicional cervejaria localizada em Vinhedo, interior de São Paulo.

Suas principais característica são sua coloração, dourada com certa turbidez, a espuma típica de cervejas lagers (cremas branca) e aromas remetendo a suaves toque de maltes com uma pegada levemente cítrica.

Teor alcoólico: 4,5%
Harmonização: salado de frutas, peixe e frutos do mar

Brasseurs Sans Gluten

A Brasseurs Sans Gluten, conhecida também como Glutenberg, é uma cervejaria canadense inovadora onde traz todas suas cervejas sem glúten se tornando pioneira no requisito. Possui uma variedade de estilos desde IPA, Red Ale a estilos belgas como Witbier.

A cervejaria também conta com estilos sazonais (estilos em que não são produzidos durante todo o ano).

Tópico extra – cervejas livre de glúten

Existe outra forma na fabricação de cerveja feita para os celíacos na qual há em sua fabricação há uma presença de maltes proveniente da cevada contendo glúten juntamente com outros grãos.

Isso é devido a uma técnica chamada Clarex, que no caso a proteína do glúten é quebrada em tamanhos menores, não removendo mas sim diminuindo as partículas em aminoácidos.

Essa técnica ainda gera muita discussão por ser nova devido a falta de provas em que essas partículas de glúten possa causar algum dano aos celíacos e a burocracia de cada país tem para considerar uma porcentagem de glúten na cerveja para ser considerada livre de glúten, lembrando que o termo livre de glúten é uma cerveja com um teor extremamente baixo de glúten.

Um exemplo desse tipo de cerveja é a Estrella Damm Daura que afirma ter uma porcentagem de 3 ppm (partes por milhão) de glúten em sua cerveja.

Quer aprender mais sobre cervejas diferentes? É a hora de ler sobre cervejas sem álcool.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.