Firestone-Walker-Brewing-Company

Firestone Walker: 9 fatos sobre a cervejaria!

Se tem uma coisa que podemos dizer é que a Firestone Walker tem muita uva e grãos em suas raízes. Fundada em 1996 num terreno onde era situado um vinhedo familiar no meio da costa central da Califórnia, conhecida por ser uma região de vinícolas. 

Tendo em vista suas raízes, a marca começou a fermentar cervejas em barris de carvalho e continua a se inspirar na vinificação em suas criações.

Hoje, a cervejaria com sede em Paso Robles também é conhecida por uma variedade de cervejas premiadas, como IPAs, Sours e Lagers.

E aqui estão algumas curiosidades sobre a Firestone Walker Brewing Company que você deveria conhecer!

1. Começou pegando pesado

A primeira cerveja da Firestone Walker foi uma DBA (Double Barrel Ale), uma Pale Ale britânica parcialmente fermentada em um sistema patenteado de fabricação de cerveja em barril de carvalho denominado de Firestone Union.

O nome foi inspirado no sistema Burton Union, um método de fermentação criado na Grã-Bretanha do século XIX.

2. Possui uma coleção de barris de carvalho

Desde a preparação do primeiro lote de DBA em 1996, a Firestone Walker continuou refinando o método de envelhecimento em barril. A empresa agora possui um dos mais extensos programas de envelhecimento em barris do país, a Barrelworks

Possui mais de 1.500 barris, muitos dos quais são recuperados de vinícolas locais.

3. Possuem o seu próprio festival de cerveja

Em 2012, a cervejaria lançou o Firestone Walker Invitational Beer Fest, uma reunião “épica, porém íntima” dos melhores cervejeiros e amantes da cerveja no Paso Robles Event Center. Os encontros acontecem em torno de Junho e seus ingressos são vendidos por meio de pontos físicos e pela internet. 

E pelo o que vemos das fotos podemos concluir de que seus festivais são um tremendo sucesso para o público cervejeiro.

Firestone Walker Festival

4. Não cansa de se expandir

A Firestone Walker foi fundada em 1996 em Santa Ynez Valley, no condado de Santa Barbara. Em 2001, mudou as operações para Paso Robles, assumindo as instalações da antiga SLO Brewing Company. Em 2012, também revelou uma nova cervejaria em Paso Robles. 

No ano seguinte, lançou as instalações da Barrelworks em Buellton. Ela adicionou uma nova instalação de barris e expandiu sua sala de envelhecimento em barris em 2014.

Em 2016, após uma parceria com a Duvel no ano anterior, a Firestone Walker abriu outro novo local, uma cervejaria piloto e um restaurante chamado Propagator em Veneza. Também deu início a outra grande expansão da cervejaria em Paso Robles, concluída em 2017.

5. E falando em Duvel…

Em 2015, a Firestone Walker vendeu parte de sua operação para a Duvel Moortgat, uma cervejaria independente com sede em Breendonk, Bélgica. A cervejaria da Califórnia manteve seu status de “artesanal” após a venda porque a própria Duvel é uma empresa independente. 

Com a Duvel como controladora, a Firestone Walker ganhou dois novos irmãos, Boulevard Brewing e Brewery Ommegang.

6. Cunhados, leões e ursos

Firestone Walker foi fundada pelos cunhados Adam Firestone, “o urso”, e David Walker, “o leão”, um expatriado britânico casado com a irmã de Firestone. Tal representação pode ser vista na logo da cervejaria.

Logo da cervejaria Firestone Walker, um leão e um urso em meio a barris de carvalho

Antes de se associar, Firestone — um ávido cervejeiro caseiro — estava em busca de um parceiro de negócios para abrir uma cervejaria. 

Ele cortejou Walker com um lote inicial de DBA. O resto é lúpulo!

7. Eles amam seus lúpulos

Graças à engenhosidade do mestre cervejeiro Matt Brynildson, que ingressou na cervejaria em 2001, a Firestone Walker lançou muitos IPAs queridas no mercado, como por exemplo a Union Jack IPA que recebeu medalha no Great American Beer Festival (2013), California State Fair (2013) e European Beer Star (2011, 2012, 2013). Brynildson também criou o Easy Jack IPA, uma cerveja que é considerada referência para o estilo em todo o mundo. 

Luponic Distortion é uma série de cervejas IPAs frutadas (mas sem adição de frutos), isso é possível a partir da exploração da propriedade dos lúpulos. 

De tempos em tempos lançam rótulos e disponibilizam no mercado, portanto fique atento e garanta uma caso seja possível.

8. Seu lado selvagem é tudo graças a ‘Sour Jim’ e Jeffers.

A Barrelworks é comandada por Jeffers Richardson, o mestre cervejeiro original da cervejaria, que voltou a chefiar a produção de cervejas Sour em 2012. Jeffers trabalha com o master blender Jim “Sour Jim” Crooks, que deu início à experimentação de Firestone Walker com cervejas de leveduras selvagens em 2007.

9. Produzem cerveja rosé

Em janeiro de 2019, a Firestone Walker anunciou o lançamento da Rosalie, uma nova oferta para o ano todo (em latas!) Que combina o amor da cervejaria por cerveja e vinho. A cerveja é co-fermentada com suco de uvas da região de Paso Robles, um toque de hibisco e termina com um teor alcoólico de 5% ABV. O mestre cervejeiro Matt Brynildson a chama de “a cerveja dos amantes do rosé”.

Firestone Walker diz o rótulo da Rosalie é uma referência à herança vinícola da Califórnia, a alvenaria do histórico Paso Robles Inn (um marco local) e a balança da justiça, representando o equilíbrio da cerveja entre uvas e grãos.

Firestone Walker Rosalie

Para fazer o híbrido cerveja-vinho, Firestone Walker trabalhou com a vinícola Castoro Cellars, que colheu 200 toneladas de uvas para vinho, incluindo 100 toneladas de Chardonnay junto com uma mistura de Viognier, Sauvignon Blanc, Riesling, Muscat Canelli e Orange Muscat.

Se você gostou desse texto, com certeza gostaria de ler mais a respeito de algumas cervejarias, como por exemplo a Blue Moon!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.