Futebol, cerveja e Copa do Mundo.

SEGUIR NO INSTAGRAMPowered by Rock Convert

No último dia 24, Belo Horizonte recebeu o primeiro jogo da seleção com o nível FIFA de organização. Muitos dirão que a estreia do Mineirão não foi lá essas coisas, houve desorganização, engarrafamento, problemas com ingresso, etc, etc, etc. Sem contar é claro a pífia apresentação da seleção.

Mas peraí, esse não é um Blog sobre cervejas? Aposto que você já está se perguntando isso. Calma, já chegaremos nas cervejas, não crie pânico caro leitor, mesmo porque, jogar bola não é muito a minha praia.

futebol-e-cerveja1

Falar de futebol no Brasil quase que automaticamente remete a cerveja. E não precisa ser jogo da seleção não, tem muito peladeiro de fim de semana que joga bola, só pensando na cerveja que rola logo em seguida. Os bares em dias de jogo dos campeonatos estaduais ficam lotados, se for clássico então…

 

Confesso que não consegui encontrar uma explicação histórica para essa relação simbiótica entre cerveja e futebol. Porém, não é difícil imaginar o porquê de se atrelar o bom futebol (sic!) do nosso país com certa marca de cerveja, afinal, se somos pentacampeões, o Neymar joga bem, o Ronaldo aparece na TV com um sorrisão com uma latinha na mão cercado de outros jogadores bem sucedidos e campeões essa breja deve ser uma maravilha!!!

 

Essa velha fórmula, esporte de massa e cerveja é velha conhecida, vide as campanhas publicitárias que são veiculadas na Europa e Estados Unidos e os eventos patrocinados pelas cervejarias líderes de mercado.

Cafu

O Super Bowl e a Champions League, superam, acredito eu, em visibilidade e alcance dos eventos esportivos que temos por aqui, Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e até mesmo a Libertadores. Eis ai o X da questão: Quanto mais melhor! Apoiar eventos de massa, jogar duro em publicidade e fazer descer goela abaixo qualquer bebida fermentada.

 

Dizem que na Copa será permitido a venda de bebidas alcoólicas nos estádios, muito provavelmente esse mercado será dominado pela cerveja – boa noticias para nós – e muito mais provável ainda que essa cerveja seja a patrocinadora do evento – uma notícia não tão boa.

 

Digo que a notícia não é tão boa, pois essa será uma ótima oportunidade para apresentar nossa cerveja para o mundo, muitos polos cervejeiros do país estão na rota dos jogos da copa (ou se preferirem os jogos da copa estão em muitas rotas cervejeiras do país). Imagina só um espaço, ainda que pequeno, para que as cervejarias locais aparecessem na televisão! Ok, hora de acordar.

rugby-colorado1

O que quero dizer, que podemos fazer bonito não só dentro de campo, até porque isso anda difícil, podemos fazer bonito, muito bonito mesmo fora das quatro linhas. As cidades sedes tem uma riqueza cervejeira muito além daquela que domina a publicidade, imagina fazer um Beer Tour e no final poder assistir um Brasil e Argentina no estádio tomando uma boa cerveja? Se isso não acontecer, e as coisas não melhorarem, pelo menos restará o consolo de poder assistir aos jogos no bar, sem filas, confusões, engarrafamento. E se o Brasil perder a Copa? Vamos torcer pelo rugby! §11.

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.