Cervejas Caseiras Receitas

Quer saber criar sua receita de cerveja? Aprenda aqui

Receita de cerveja
Escrito por Lucas Magá

Talvez uma das etapas mais gratificantes de fazer cerveja é com certeza fazer sua própria receita, mas para criá-la é preciso ter alguns fundamentos e um pouco de bagagem nas costas.

Mas não se preocupa, porque nesse post mostraremos as vertentes para criação da sua própria cerveja.

Então se quer aprender como criar sua própria cerveja, fique atento no post e aprenda as melhores práticas para uma receita de sucesso

Sua receita deve ter equilíbrio

Antes de tudo é importante saber que a boa cerveja é aquela cerveja que é equilibrada.

E quando falamos de uma cerveja equilibrada, queremos dizer que ela realmente de ter como característica o equilíbrio em todos os pontos, ou seja, em seu aroma, sabor e corpo.

O cervejeiro sabe que sua receita está harmonizada quando sente sintonia e equilíbrio em seu trabalho.

Por exemplo, se você gosta muito de amargor, quer destacar essa característica  e por isso enche sua cerveja de lúpulo no início de fervura sem nenhuma coesão, pode ter certeza que ao fim o resultado será uma cerveja amarga sem nenhum equilíbrio, no qual pensou apenas no amargor e não no conjunto da cerveja.

E sabemos que há a possibilidade de se criar cervejas muito boas (equilibrada) com amargor altíssimo.

Então é essencial ter em mente que você deve buscar um equilíbrio até nas situações que deseja ressaltar alguma característica específica em sua cerveja.

Defina o objetivo da sua cerveja

Definir um objetivo para sua cerveja é importante, determinando se sua finalidade será para concurso, tomar com seus amigos, estudo ou até mesmo só para você apreciar sua criação.

Essa definição te ajudará a encontrar o estilo que mais combina com esse determinado objetivo e servirá para guiar até o estilo mais semelhante ao teu desejo.

Escolhendo o estilo

Com o objetivo definido, isso reduzirá drasticamente as opções de estilos que possam servir para sua receita

Para escolhas de estilos existem guias no qual você consegue conferir todas as características de cada um.

Esses guias são os mesmo usados para avaliar cervejas em concursos sendo o mais popular o Beer Judge Certification Program (BJCP) e o Brewers Association (BA) no qual você pode utilizá-los como uma espécie de bíblia da cerveja e encontrar as informações para a seleção do seu estilo.

Escolha dos ingredientes e montagem da receita

As escolhas de ingredientes é o processo que dará todas as características da sua cerveja, e para isso é importante lembrar você de que uma boa cerveja se trata de equilíbrio.

Escolha ingredientes que tendem a combinar, para que não se frustre, até adquirir experiências para fazer combinações mais ousadas. É importante estudar os ingredientes que estarão presentes na sua receita e os melhores métodos de utilização para otimizar os mesmo.

Utilize a tecnologia a seu favor

Para montagem da sua receita existem softwares muito bons que mostrarão os parâmetros da sua cerveja e servirão de guia para a construção da receita.

O Beer Smith se trata do software mais utilizado e sua vantagem é que possui os ingredientes e suas propriedades, ajudando no cálculo de utilização de cada insumo e permitindo que você monte sua cerveja com bastante exatidão.

Sem dúvida a utilização de um aplicativo se torna obrigatória na criação de receitas e cervejas.

Teste sua receita

Independente do resultado da sua receita, tenha em mente de que se trata de um processo contínuo, onde será necessário refazê-la, aprimorá-la e testar novos ingredientes e estilos.

A prática fará com que sua cerveja evolua e o mais importante, você também evoluirá como cervejeiro.

E o que significa ser um cervejeiro? Contamos aqui um pouco mais sobre qual o real significado da palavra.

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Sobre o Autor

Lucas Magá

Mestre Cervejeiro da cervejaria Sileno, membro no Grupo de Estudos e Pesquisa em Cerveja Artesanal e da Acerva de Minas Gerais, atualmente desenvolvendo pesquisa em cervejas inovadoras para o mercado, graduando em Bacharelado em Biosistemas pela UFSJ.

Comentar