Como fazer

Recirculação e lavagem dos grãos: 3 melhores métodos para fazer!

Fly Sparge
Escrito por Lucas Magá

Quem produz cerveja sabe que todo cuidado é pouco em cada uma das etapas de produção, então tudo deve ser feito com muita atenção e também carinho, isso mesmo, carinho com a criação.

Uma das etapas essenciais do processo que visa conseguir resultados esperados na sua cerveja é a fase de lavagem dos grãos.

Nesse post iremos mostrar todos métodos e processos para a realização do sparge (ou lavagem dos grãos) para que sua cerveja tenha todos os parâmetros desejados.

Então vamos lá e aprenda tudo sobre o assunto até o fim do texto!

Importância da lavagem dos grãos (sparge)

A lavagem dos grão é realizado depois que a mosturação foi concluída, ou seja, depois de extraído dos grãos de malte os açúcares necessários para sua cerveja.

Após a mostura, é trabalhando somente o líquido, transferindo o mosto para panela de fervura onde há uma “cama de grãos” na panela de mostura.

Nessa cama de grãos fica retido parte desses açúcares extraídos na mostura, com isso para retirar os açúcares “presos” na cama se faz o sparge —  com o objetivo de otimizar a retirada os açúcares para a fervura do mosto.

É importante lembrar que caso o processo do sparge não seja feito, você não conseguiria levar todos os açúcares do mosto para fervura, e isso causará certos danos a sua cerveja como:

  • menor teor alcoólico,pois parte desses açúcares seriam fermentados pelas leveduras
  • perda do corpo, pois existem açúcares de peso molecular maior no qual não consumidos pelas leveduras e auxiliam na textura da cerveja

Existem também outros parâmetros menores que interferem diretamente na qualidade da cerveja.

Métodos de lavagem

Existem vários métodos de lavagem, que normalmente varia de acordo com equipamento do cervejeiro ou com a melhor praticidade em realizá-lo.

Os mais comum são:

1. Fly Sperge

Fly Sparge

Fly Sparge que consiste em adicionar água a uma temperatura entre 78-80ºC sobre a cama de grãos após feita a transferência do mosto para panela de fervura.

Lembrando que a água da lavagem também irá para panela de fervura.

Importante ressaltar que para manter a cama de grãos intacta, a água deve passas sobre os grãos de forma homogênea retirando assim todos os açúcares.

Fly Sparge

Você pode usar um recirculador ou até mesmo adicionar a água sobre uma espumadeira para que não cause buracos na cama de grãos e a água não passe direto.

2. Batch Sparge

Batch Sparge

Outro tipo de lavagem de grãos é o Batch Sparge, que é uma forma parecida com o Fly Sparge, porém há adição de água sem se preocupar com a cama de grãos por que eles (os grãos) serão mexidos após a água adicionada para que ela entre em contato com todos os grãos.

Depois disso o próximo passo é recircular a água e extrair novamente o mosto até que consiga retirar todos os açúcares desejados.

3. BIAB (Brew in a Bag)

Brew in a Bag

Por último temos lavagem para quem utiliza o BIAB – Brew In a bag.

Para quem não BIAB é um tipo de equipamento cervejeiro no qual utiliza-se normalmente uma panela e uma bag onde os grão ficam dentro durante a mostura.

E a lavagem para quem utiliza-se desse equipamento é a mais simples possível. Depois de feita a mostura, basta erguer a bag e adicionar água sobre ela e esperar escorrer toda água.

Calcular a água para lavagem do mosto

É importante saber que a quantidade de água utilizada no sparge tem que estar relacionado com a água utilizada na mosturação.

O mais utilizado para o cálculo do uso da água do é multiplicar o volume da água de mostura por 1,5.

Por exemplo: se você utilizou na mostura 15 litros, o volume da água do sparge será de 22,5 litros (15 x 1,5 = 22,5).

Entretanto existem alguns fatores que podem afetar o volume da água do sparge, como a perda por evaporação, fervura, eficiência do equipamento etc. Mas seguindo essa fórmula feita pelo Jonh Palmer (uma referência no mundo da cerveja) você não terá grandes problemas.

Dica para otimizar a lavagem

A lavagem de grãos pode ser um processo demorado, se feito principalmente manualmente.

Uma dica para otimização da lavagem é a utilização de uma bomba para transferir a água da panela no qual você aqueceu, ligada a um “chuveiro” de sparge, pois você não precisará ficar retirando a água com caneco colocando-a sobre a espumadeira.

Com a bomba e o chuveiro você automatiza seu processo e otimiza sua lavagem gastando pouco dinheiro.

Agora que você aprendeu mais sobre a lavagem dos grãos, também existe uma opção para essa tarefa: a brassagem sem lavagem.

Mas ela vale a pena? Temos um conteúdo que explica tudo sobre o assunto e pode te ajudar, é só clicar aqui.

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Sobre o Autor

Lucas Magá

Mestre Cervejeiro da cervejaria Sileno, membro no Grupo de Estudos e Pesquisa em Cerveja Artesanal e da Acerva de Minas Gerais, atualmente desenvolvendo pesquisa em cervejas inovadoras para o mercado, graduando em Bacharelado em Biosistemas pela UFSJ.

Comentar