Artigos Cervejas Caseiras

Como armazenar o lúpulo: aprenda aqui as boas práticas

armazenar lúpulo
Escrito por Carlos Lara

É extremamente importante que você saiba dos principais inimigos do lúpulo, os que adoram sacanear com você, são eles o calor, oxigênio e a luz. Mas, como armazená-lo e quais problemas que um erro nessa parte implicariam?

Problemas com o armazenamento

Existem dois problemas comuns no armazenamento de lúpulos que devem ser citados, por isso vamos falar abaixo quais são e também as soluções mais práticas para acabar com eles de uma vez.

Off-flavor – butírico

O off-flavor significa um sabor indesejado na cerveja, diferente do on-flavor que se refere ao sabor que você quer em sua cerveja (mais sobre o assunto aqui) e em cursos sobre análise sensorial muitas pessoas dizem que o pior sabor experimentado é o butírico.

É mu sabor fortíssimo e com certeza inviabilizaria qualquer leva se presente em altas concentrações. Se pudéssemos comparar, acreditamos que o salor se assemelha a uma mistura de cheiro de queijo velho com “CC” (cecê?) de ônibus lotado. Sim, isso mesmo!

Já se imaginou tomando isso? Esperamos que não.

E para identificar esse lúpulo velho basta uma cheiradinha nele “in natura”, o cheiro ruim é bastante evidente! Além disso, ele perde a coloração esverdeada e torna-se marrom, por isso tenha muita atenção nesses pontos.

Soluções

Para solucionar esse problemas listamos três pontos que você deve seguir:

  • Ferver por 3 horas o mosto para tirar o ranço de lúpulo velho e fedorento. Alguns estilos belgas usam essa técnica para aproveitar o poder bacteriostático da nossa plantinha.
  • Quando entrar em contato com seu revendedor pergunte sempre quais os lúpulos mais frescos no estoque e dê preferência à eles!
  • Sempre armazenar dentro de um freezer ou congelador você deve manter menor contato com ar possível. Se tiver seladora a vácuo ótimo, se tiver saquinho ziplock use-o apertando antes para eliminar o ar de dentro o máximo possível.

Declínio dos alfa-ácidos

Não sei se vocês sabem, mas, mesmo bem armazenados, os lúpulo (em especial os de amargor) vão aos poucos perdendo seus alfa-ácidos.

Na média diríamos que se mantidos por 6 meses na temperatura de 20°C, cerca de 50% de seus alfa-ácidos vão ser perdidos e isso pode influir significativamente no IBU programado e conseqüentemente no amargor que procurava em sua cerveja.

Soluções

Listamos também três soluções que você deve se atentar caso ocorra a perca do alfa-ácido em seu lúpulo:

  • Manter o saco de lúpulo fechado (de preferência com ziplocks ou a vácuo) para evitar o máximo possível o contato com oxigênio.
  • Armazenar no freezer, saiba que ele pode congelar numa boa!
  • Comprar lúpulos frescos. Não é demais salientar que é sempre uma boa idéia perguntar ao seu fornecedor quais os lúpulos mais frescos (importados mais recentemente) eles têm na prateleira. Exija essa informação, é um direito seu!

Esperamos que esse conteúdo tenha te ajudado. E para conhecer mais sobre lúpulo, que tal dar uma olhada em outros dois artigos que podem ser do seu interesse?

Qual lúpulo escolher: conheça os principais lúpulos do mundo
Entenda mais sobre a perda de alfa-ácido no lúpulo

Um abraço!

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Sobre o Autor

Carlos Lara

Marketeiro e Sommelier de Cerveja. Criei a minha paixão pela cerveja há um tempo, principalmente vendo jogos de futebol e hoje escrevo conteúdos sobre diversos assuntos nas horas vagas.

10 Comentários

Comentar