Artigos Cervejas Caseiras

Cerveja com polpa de maracujá: aprenda como fazer!

cerveja de maracujá
Escrito por Carlos Lara

A produção das cervejas caseiras Maracujá Ale e depois da MaracujIPA pelo Homini Lúpulo chamaram atenção pela escolha inusitada do ingrediente. Afinal, o que esta fruta tem a ver com cerveja?

Bem, essa resposta é a causa desta experiência: lúpulos cítricos!

Amarillo, Simcoe e outros lúpulos americanos produzem um sabor e aroma que se assemelham ao maracujá, como as comercias Hardcore IPA, Colorado Índica, Punk IPA e diversas outras.

Produzindo uma cerveja com maracujá

Na primeira tentativa, foram seguidos os parâmetros de Ray Daniel para produzir uma fruit beer. Os quantidades e resultados foram:

  • A polpa de dois maracujás, resultando em aproximadamente 200ml
  • Coador para deixá-las devidamente coadas
  • Quantidade para 2 litros de Pale Ale
  • Adicionados na maturação.

O resultado foi uma cerveja de maracujá, literalmente. Tanto no aroma quanto no sabor, ele dominava totalmente as ações, alterando até a cor da cerveja. Alguns gostaram muito, outros pouco, mas a acidez ficou marcante, mais do que gostaríamos.

A segunda leva, a MaracujIPA, foi uma american India Pale Ale já com amarillo e foi necessário:

  • 4 maracujás
  • Pouco menos de 400ml de polpa
  • Quantidade para 18 litros de cerveja.

O resultado foi muito mais equilibrado, pois esta fruta precisa ser bem diluída. No sabor, o maracujá aparece suavemente, com um final amargo agradável. O aroma da fruta é marcante, e percebe-se a diferença de utilizar lúpulos que lembram o maracujá e usar a própria fruta. Ponto para o aroma natural.

Dicas para a produção

Se você pensa em fazer uma fruit bier assim, aqui vão algumas dicas muito importantes:

1. O maracujá é muito forte e azedo, portanto, grandes quantidades são perigosas. Da mesma forma, mesmo em pequenas quantidades ele aparece bem.

2. Ele pode ser adicionado na fermentação, maturação eu até antes do envase. Quanto mais perto do fim do processo, mais suas propriedades naturais serão preservadas.

3. Você pode usar polpa de maracujá direto da fruta ou polpa congelada e pasteurizada. A polpa pasteurizada tem a vantagem de diminuir a chance de contaminação. Nas duas tentativas não tivemos problemas usando a polpa natural.

O mais legal de fazer cerveja em casa, na nossa concepção, é criar, inventar e ter algo único.

A utilização de frutas, pouco comum nas cervejas comerciais, traz resultados muito interessantes. Na produção de cerveja caseira não ter medo de arriscar faz muito bem. E se não ficar tão bom, na segunda tentativa pode-se fazer uma grande cerveja!

Gostou das dicas? Dá uma olhada aqui nas nossas receitas de cerveja e prepare a sua própria: ACESSAR RECEITAS!

Um abraço.

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Sobre o Autor

Carlos Lara

Marketeiro e cervejeiro de buteco. Criei a minha paixão pela cerveja há um tempo, principalmente vendo jogos de futebol e tomando uma boa cerveja com o meu pai, e hoje escrevo conteúdos sobre diversos assuntos nas horas vagas.

16 Comentários

Comentar