Harmni

Harmonizando com Porter: receita do salmão teriaki e risito de funghi

SEGUIR NO INSTAGRAMPowered by Rock Convert

Pratos a base de peixe acompanham somente cervejas leves como a Witbier? Negativo!

No caso do Salmão, por ser um peixe gorduroso e de sabor acentuado, pode ser levado em consideração que é necessária uma cerveja mais encorpada e ligeiramente mais alcoólica. Mas qual cerveja utilizar na harmonização?

Essa dúvida estamos aqui para ajudar você, então continue no post e confira.

Como harmonizar salmão

Depende do molho que vamos utilizar na receita. Ao longo do conteúdo ensinaremos sobre como fazer um molho teriaki para servir de base ao peixe.

E isso foi feito justamente pensando em harmonizar com uma cerveja Porter, para provar que as teorias têm muitas exceções. Desta forma, o elemento principal da harmonização é o molho e não a carne, então não se preocupe se preferir utilizar na receita carne de frango, ou até mesmo carne bovina.

Todas as opções irão harmonizar porque o molho prevalece neste caso

Preparando o salmão

O molho teriaki que apresentado leva em sua receita açúcar mascavo que traz dulçor e caramelização, características encontradas nas Porters. Pensando mais precisamente nas Baltic Porters, por serem um pouco menos encorpadas, portanto não se sobrepondo ao sabor do prato.

Para acompanhar, que tal um risoto com cogumelos porccini? Eles combinam muito bem com o molho teriaki, já que possuem sabor característico que remete a algo que combina com aromas e sabores tostados dos maltes das Porters.

Ingredientes

  • 2 filés de Salmão de 120 gramas cada
  • 1 xícara de molho shoyu
  • 1 colher de sopa de óleo de gergelim
  • 1 colher de sopa de saquê
  • 1 colher e meia de sopa de açúcar mascavo
  • 1 colher de sobremesa de molho de ostras
  • ½ xícara de água

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes num recipiente e mexa bem. Numa travessa coloque os filés de salmão e regue com o molho teriaki. Deixe marinando na geladeira por no mínimo 1 hora e meia.

Depois em uma frigideira aquecida, coloque os filés de salmão e um pouco do molho teriaki, deixe por 7 minutos e vire com cuidado. Acrescente o restante do molho e deixe por mais 5 minutos.

Retire e sirva sobre o risoto de arroz com funghi.

Preparando o Risoto de Funghi Secci

Agora vamos para a segunda parte, onde o salmão está feito e é necessário preparar o risoto, prato que algumas pessoas tem certa dificuldade em replicar, por isso também apresentaremos ingredientes e modo de preparo!

Ingredientes

  • 1 xícara de arroz arbório ou carnarolli
  • 500 ml de caldo de legumes
  • 30 ml de vinho branco
  • 200 gramas de funghi secci
  • 50 gramas de manteiga
  • Azeite
  • ½ cebola

Modo de preparo

1. Colocar o funghi secci de molho no caldo de legumes e deixar por 2 horas para hidratar, depois cortá-los em pedacinhos e reservar;

2. Picar a cebola em pedinhos bem pequenos;

3. Aquecer o caldo de legumes para ser acrescentado ao risoto pouco a pouco;

4. Coloque a cebola para refogar num pouco de azeite;

5. Assim que a cebola estiver enbranquecida (nunca doure!) acrescentar o arroz e mecher bem em fogo alto;

6. Acresente o vinho branco e mexa até evaporar todo o álcool;

7. Acrescente os pedacinhos de funghi;

8. Agora com uma concha vá acrescentando o caldo de legumes utilizado para hidratar o funghi já aquecido;

9. Acrescente sal e vá testando o ponto do arroz até que ele esteja bem macio.

Esperamos que vocês gostem de mais uma receita para hamonização, dessa vez com cervejas porters.

E caso se interesse pelo assunto, fique a vontade para conferir em nossa categoria as inúmeras possibilidades de harmonização para tipos de cervejas, ok?

Saúde e bom apetite!

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

    Fale o que você pensa

    O seu endereço de e-mail não será publicado.