rabada com cerveja

Rabada com cerveja: aprenda a fazer essa harmonização!

SEGUIR NO INSTAGRAMPowered by Rock Convert

O assunto de hoje é um prato salgado e mais do que conhecido no Brasil, a rabada e escolhemos cervejas que são versáteis e podem ser utilizadas até para harmonizar com sobremesas.

Desta vez o prato escolhido foi rabada e também ótimas cervejas que podem acompanhar esse prato com louvor. Quem já acompanhou algum outro conteúdo de harmonização no blog sabe que somos adeptos a pratos mais lights, mas quem nunca saiu da rotina?

Também ouvimos e ficamos felizes em saber que algumas pessoas elogiaram harmonizações que foram apresentadas no blog.

A culinária brasileira é tão rica que podemos nos dar ao luxo de escolhermos preparações simples, já conhecidas e apreciadas por nós para fazermos harmonizações com cervejas de estilos mais complexos e provenientes de países europeus sem perder em nada em sabor.

Chega de conversa e vamos começar logo com a harmonização.

Harmonizando rabada com cerveja

A rabada bovina é barata e simples de preparar e se incrementada com as especiarias e os temperos certos para a harmonização pode se tornar um jantar imponente.

As cervejas que buscadas para a harmonização foram elaboradas com maltes escuros e de certa potência alcoólica, já que a carne é escura, vai ser frita antes de virar um “ensopado” e tem um teor de gordura de que não se pode desprezar.

No molho para seu cozimento que tal acrescentar cravo e canela? Eles conferem seus sabores característicos ao prato, além de dar um toque sofisticado e combinar com as notas de especiarias das cervejas do estilo Belgian Dubbel, Barley Wine, Belgian Dark Strong Ale, Doppelbock, Quadrupel e Old Ale.

Entre os estilos selecionados leve em consideração uma cerveja com menor dulçor, com teor alcoólico médio para alto e um amargor muito suave , pois podem fazer um par perfeito com o prato. E de quebra, podemos recomendar a Golden Pride, uma cerveja Barleywine da Fuller’s para resfriar um pouco e acertar na escolhaPara dar um toque mais glamouroso ao prato, prepare crepes, desfie a rabada e a misture com queijo catupiry, que pode ser utilizado como receito.

Mas é importante ter atenção em um ponto: harmonização não é matemática e a subjetividade dos gostos individuais podem ser satisfeitos pelas escolhas ou não.

Agora que tal partirmos para o modo de preparo? Vale lembrar que esta é uma porção para 4 pessoas.

Ingredientes

  • 1,5kg de rabada
  • 1 cebola grande picada
  • 2 colheres de sopa de alho picado
  • 3 tomates sem casca e cortados em cubos
  • ½ pimenta dedo de moça picada
  • 400 ml vinho tinto
  • 200ml água
  • 4 cravos
  • 4 paus de canela1 bouquet garni (salsa / louro / tomilho / alecrim)
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino moída na hora a gosto
  • Salsa picada
  • Azeite extravirgem

Preparando a rabada

1. Coloque a rabada em um recipiente e tempere com sal e pimenta.

2. Jogue um fio de azeite em uma frigideira e acrescente os pedaços da rabada. Deixe
dourar dos dois lados e coloque em uma panela de pressão. Reserve.

3. Retire o excesso de gordura da frigideira utilizada para preparar a rabada e volte com ela para o fogo. Depois que estiver quente, jogue a cebola, o alho, o tomate, a canela e o cravo.

4. Pegue a salsa, o louro, o tomilho e o alecrim e amarre com barbante, para fazer o bouquet garni, e jogue na frigideira. Para completar, acrescente o vinho tinto e a pimenta dedo de moça. Deixe a mistura ferver e, então, coloque na panela de pressão, junto com a rabada. Tampe a panela e deixe cozinhar por 45 minutos.

Pronto! Está servido a porção para 4 pessoas e esperamos que você aproveite a receita e também compartilhe com amigos que gostam de cozinha e cerveja.

E caso se interesse pelo assunto, fique a vontade para conferir em nossa categoria as inúmeras possibilidades de harmonização para tipos de cervejas, ok?

Saúde e bom apetite!

aprender a fazer cerveja em casaPowered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

4 Comentários

    Armonização quase perfeita… Mas comer rabada sem polenta mole deveria ser proíbido em lei federal!!!

      Paulo, vc te razão uma polentinha cairia muito bem, mas eu tenho uma teoria…a de que pratos preaprados para harmonização devem ter pouco carboidrato, para não “estufar”, mas pensando bem uma polentinha de leve não faria mal. Abraço, Andréa Calmon.

    Fica a sugestão de uma weizenbock da Coruja também para este prato. Uma boa harmonização: cravo (resultado do trigo) x especiarias, alto teor alcoólico x gordura, maltes defumados x carne “forte”.
    Inclusive a cerveja fica muito bem colocada diretamente no próprio molho! Abraço.

      Sim Rafael, acho que pode ser sim uma boa sugestão de harmonização por similaridade, porém acredito que o defumado do malte iria encobrir um pouco os sabores da carne e seus temperos. De qualquer forma vou incluí-la na minha lista para fazer o teste. Abraço, Andréa Calmon.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.