Beber e Comer Harmonização

Harmonizar com Strong Golden Ale: o fantástico bobó de camarão

Escrito por Carlos Lara
SEGUIR NO INSTAGRAMPowered by Rock Convert

Quem não gosta do Nordeste e sua cultura maravilhosa, principalmente a culinária. Hoje a inspiração do conteúdo vem de lá e falaremos sobre como harmonizar uma Stong Golden Ale com bobó de camarão.

Então caso você queira entender o motivo do prato harmonizar tão bem com o prato e também sua receita, continue aqui e aprenda tudo isso conosco.

Harmonizando com Belgian Strong Golden Ale

Dessa vez estamos falando de um ótimo estilo de cerveja belga e sua harmonização com um prato bem típico da região do Nordeste. O resultado sem dúvidas pode se surpreender e ser uma das melhores harmonizações feitas, acredite.

O prato é complexo em aromas e sabores assim como as cervejas do estilo, porém sem perder “la ternura”, já que ambos tem delicadezas.

As Golden Strong Ales são elaboras com maltes claros e apresentam uma complexidade delicada, aromas de lúpulos florais, leves toques cítricos e herbáceos, e o amargor é pouco pronunciado.

Harmonizando com bobó de camarão

O prato é elaborado à base de aipim (macaxeira ou mandioca) e camarões, e ambos têm sabores bem característicos mais igualmente delicados. A complexidade do prato vem da adição de diversos ingredientes que, unidos, compõe um conjunto harmonioso assim como as cervejas.

O azeite de dendê, os pimentões, o coentro e a pimenta malagueta fazem um conjunto perfeito para adicionar sabor aos camarões. A ação das leveduras belgas é que adiciona complexidade à cerveja, que apresenta uma boa carbonatação, bem apropriada para limpar o palato da gordura deixada pelo azeite de dendê.

A picância do prato, conferida pela presença da pimenta malagueta é bem administrada pela alta concentração de maltes da cerveja que ameniza bem a picância.

E por falar em picância, recomendamos degustar na harmonização dois rótulos, a St. Feuillien Grand Cru e a Delirium Tremens.

A primeira não apresenta picância e a segunda sim, o que exacerba moderadamente o sabor da malagueta, mas ambas se saem muito bem na combinação com o prato. O coentro e os pimentões fazem excelente par com os ésteres complexos da cerveja.

Agora chega de falar e vamos para a parte que importa, o preparo do prato nordestino que vai dar água na boca quando harmonizado com a cerveja.

Ingredientes

  • 400gramas de camarão cinza
  • 400 gramas de aipim
  • 20 gramas de coentro
  • 200 ml de leite de coco
  • 100 gramas de cebola
  • 20 gramas de alho
  • 30 ml de óleo de soja
  • 30 ml de azeite de dendê
  • 100 gramas de pimentão vermelho
  • 100 gramas de pimentão amarelo (quem gostar pode substituir pelo verde).
  • 150 gramas de tomates sem pele e sem sementes
  • 20 gramas de extrato de tomates
  • 2 gramas de pimenta malagueta
  • 600 ml de caldo de camarões, caldo de peixe ou caldo de legumes
  • Sal a gosto.

Modo de Preparo

1. Cozinhe o aipim no caldo de camarão até ficar bem macio (pode fazer na panela de pressão),

2. Bata no liquidificador ou processador até virar um purê,

3. Em uma panela, esquente o óleo de soja e o azeite de dendê e refogue o alho e a cebola que devem estar bem picados,

4. Junte os pimentões picados em cubinhos bem pequenos, depois o extrato de tomate, o tomate, as pimentas malaguetas metade do leite de coco, o coentro e continue refogando,

5. Adicione o purê de aipim e mexa bem até ficar homogêneo,

6. Ajuste o sal e adicione o restante do leite de coco,

7. Junte os camarões sem casca e limpos e cozinhe em fogo brando por 5 a 10 minutos.

Esperamos que o preparo do prato seja um sucesso e se você quiser aprender mais sobre o assunto e também descobrir novas receitas sinta-se à vontade para conferir em nossa categoria as inúmeras possibilidades de harmonização.

Saúde e bom apetite!

Sobre o Autor

Carlos Lara

Marketeiro e Sommelier de Cerveja. Criei a minha paixão pela cerveja há um tempo, principalmente vendo jogos de futebol e hoje escrevo conteúdos sobre diversos assuntos nas horas vagas.

2 Comentários

Comentar