Cerveja Bonfim American Pale Ale

Cerveja Bonfim: conheça a APA da cervejaria Amada!

A Cervejaria Amada é natural de Salvador, na Bahia, nasceu no mês de Janeiro de 2016 quando decidiram juntar a paixão em comum dos seus três fundadores, e como eles mesmo dizem, ela é uma só: beber cerveja de qualidade!

Luis Henrique, Saulo Torres e Liane Nou literalmente transformaram a paixão e vontade que tiveram em um sonho de  “produzir felicidade” através da cerveja. Essa frase soa até como uma propaganda da Coca-Cola mas realmente é assim que surgem os grandes cervejeiros.

E a inspiração na Bahia sempre pareceu obvia para transformar o sonho em realidade.

Hoje vamos falar um pouco sobre a cerveja American Pale Ale chamada Bonfim, então fique conosco para entender mais sobre essa encorpada cerveja!

As características da cerveja Bonfim

Cerveja BonfimA American Pale Ale Bonfim vem com 5,6% de ABV, IBU 35 e 3 tipos de lúpulos, são eles: Cascade, Perle e Magnum.

Como a própria cervejaria diz, se trata de uma cerveja encorpada e com uma característica de amargor acentuado.

Aparência

Cerveja de cor âmbar, espuma bege clara, cremosa, com ótima formação mas não muito persistente, em alguns segundos a espuma ficou bem baixa. O copo indicado para uma American Pale Ale é o “Pint” e foi o que usamos para registrar esta degustação.

A garrafa é de 500 ml como de costume para as cervejas artesanais e traz um rótulo bonito e bem característico das tradições Baianas.

Aroma

Uma sensação aromática de pão e biscoito, característica que faz parte de algumas American Pale Ales devido a utilização de maltes especiais.

Gosto

O sabor do malte é claro, e apesar de possuir três tipos de lúpulo, não consegui perceber a presença dos mesmos de forma equilibrada, como deveria ser. Drinkability alto, com amargor moderado e média carbonatação.

Sensação na boca

Cerveja de médio corpo e na degustação preenche a boca de forma equilibrada e macia.

Consideração final

De forma geral a harmonização da cerveja com Hambúrguer não combinou muito, mas tomando a outra metade da garrafa, sem acompanhamento, pode saber que se trata de uma ótima opção.

O aroma de pão e o sabor de malte são bem agradáveis e uma outra garrafa pode ser tomada na sequencia tranquilamente.

O fato de ter gostado mais da cerveja na segunda metade da garrafa, não necessariamente tem haver com a harmonização, pois, a temperatura da cerveja também já era outra, o que traz melhor condição para absorção dos sabores.

Quer encontrar mais conteúdos sobre degustação? Acesse este link e confira!

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.